Cozinhar é uma terapia que contribui para o bem-estar e o equilíbrio emocional. Cozinhar ouvindo as músicas preferidas, preparar a comida pensando nas pessoas que irão se alimentar, os elogios que irá receber, faz você distrair e se desligar dos seus problemas. Há quem diga que cozinhar é uma arte. Mas também pode ser um grande prazer. Cozinhar pode ser uma forma de descontrair, de relaxar, de se divertir. O cuidado e a atenção de quem cozinha são importantes. Para que haja esse cuidado e para que se possa alegrar a pessoa a quem se vai oferecer a comida, é preciso eliminar ou mudar o pensamento de que cozinhar é chato, de que é trabalhoso, etc. Mude o pensamento, lembre-se que além do próprio alimento, a pessoa vai absorver também o sentimento com que você fez a comida. Se você preparar o alimento com amor, surgirá nas pessoas o sentimento de fraternidade e de agradecimento por aquela comida. Experimente fazer com este intuito. Para aqueles que já apreciam o hábito de cozinhar, não o percam, e para os que não gostam, descubra o bem que pode fazer à você. Por isso é preciso repensar o quanto "ganhamos e perdemos" com nossas escolhas. Acredito que o equilíbrio, o meio termo é uma ótima opção. Não abandone a cozinha, faça do ato de cozinhar uma terapia nos momentos possíveis e ganhe mais saúde e o amor de seus familiares.

Seja Bem-Vindo!! Bom Apetite! Cadastre-se para seguir o blog..Em breve muitas surpresas .

sábado, 31 de março de 2012

Torta de bacalhau....Almoço de Domingo!!!!!

Faça um purê de batata, a gosto, do seu jeito, e forre um pirex.
Para o recheio, faça um refogado num tanto de azeite decente, com um tanto de bacalhau desejado um pratinho daquele é o quanto basta pra fazer a felicidade de um almoço de domingo ... mas não custa caprichar na escolha, porque tem uns bem magrelinho, viu? Voltando ao refogado junte ao bacalhau (que já deve estar dessalgado e desfiado) meio quilo de cenoura passada no ralo como batata-palha, dê uma incrementada com azeitona preta, cebola, bastante cebolinha, salsinha. Tudo bem picadinho ... Espalhe esse refogado depois de pronto no pirex, por cima do purê de batata.
E pra finalizar, vamos a cobertura! Misture numa vasilha a parte, um copo de requeijão, um vidro de maionese pequeno, uma lata de creme de leite sem soro. Distribua essa mistura por todo o pirex, por cima do refogado de bacalhau. Rale bastante muçarela e salpique por cima. Leve ao forno para gratinar.

Obs.: cuidado com o sal no recheio, porque o requeijão com a maionese acentua o sabor.
Essa torta pode ser feita com carne moída a bolonhesa.....com camarão.. Fica a seu critério...Ela fica deliciosa com qualquer recheio.
Bom Apetite!!!!!

Um comentário:

  1. Eu faço essa receita sem o requeijão. Fica mt bom. Se quiser servir gelada tb pode. Já fiz as duas. Um delicia.

    ResponderExcluir

Olá!! Adorei receber a sua visita!!!! Volte Sempre!!!